Turismo Ferroviário

Textos e comentários - Participe!

10/12/10

ALL terá que reativar funcionamento dos trens na região

A América Latina Logística (ALL) terá que reativar os serviços de trem da Malha Sul, no trecho que abrange as estações de Getúlio Vargas, Estação, Erebango, Capo-erê, Erechim, Gaurama, Viadutos e Marcelino Ramos, na região norte do Rio Grande do Sul. A decisão é da Justiça Federal, em sentença favorável a ação civil pública ajuizada pela Procuradoria da República no município de Erechim.


A empresa terá que cumprir as cláusulas do contrato firmado com a União, no sentido de garantir a manutenção e conservação de todos os bens vinculados. E ainda, promover a reparação e pagar indenização por danos causados ao meio ambiente, no valor de R$ 500 mil. Essa quantia será revertida para o Fundo de Defesa dos Direitos Difusos, conforme prevê o artigo 13 da Lei nº 7.347/85.

Um procedimento administrativo instaurado em 2006 pelo Ministério Público Federal demonstrou a ocorrência de invasão a propriedades pertencentes à Rede Ferroviária Federal em alguns municípios do norte do Rio Grande do Sul. Além disso, houve o descumprimento do contrato de concessão do transporte e de arrendamento do patrimônio da América Latina Logística. Ao Ministério Público Federal, a ALL afirmou que o encerramento das atividades na região de Erechim teria ocorrido em virtude da inviabilidade econômica da manutenção do transporte ferroviário em municípios da região.


Antes de ingressar na Justiça com a ação civil pública, o MPF enviou uma Recomendação para a América Latina Logística com o objetivo de fazê-la cumprir a integralidade do contrato de concessão, o que não ocorreu. O contrato de concessão teria sido assinado em fevereiro de1997 e o último trem operou em julho do mesmo ano.


A sentença judicial determina também que a ALL terá que demonstrar o cumprimento das cláusulas referentes à manutenção e conservação dos bens vinculados, além de iniciar a retirada e o reassentamento das famílias que invadiram a área de domínio, no prazo de 180 dias, a contar do trânsito em julgado. Ao final desse prazo, a empresa terá dois anos para comprovar o efetivo restabelecimento dos serviços ferroviários.


* Fonte: Ministério Público Federal. Procuradoria da República no Rio Grande do Sul.


Contraponto


Em nota,  a empresa ALL diz:

“A ALL irá recorrer da decisão, uma vez que mantém diversas ações de reintegração de posse na região, e, inclusive, possui parceria com a prefeitura de Erechim, em uma ação conjunta para a remoção das famílias que invadiram a área sob sua concessão. Pelo projeto, o município constrói as moradias necessárias e a ALL trata da remoção das famílias e seus pertences das áreas invadidas, bem como a recuperação do local.


A ALL reforça ainda que a circulação de trens na região depende unicamente da demanda, ou seja, da formalização de acordos comerciais que viabilizem a operação nestes municípios.


A empresa investe anualmente cerca de R$150 milhões na malha ferroviária do Rio Grande do Sul – incluindo via permanente, ativos e tecnologia – para ampliar a capacidade de transporte e a segurança das operações nas regiões onde há demanda por transporte de cargas. O resultado é um crescimento médio anual de 10% ao ano em volume movimentado no Estado e uma participação superior a 60% em todo o volume de grãos no porto de Rio Grande, considerando-se o volume captável pela ferrovia”.

Fonte: http://wp.clicrbs.com.br/erechim/2010/12/10/america-latina-logistica-tera-que-reativar-funcionamento-dos-trens-na-regiao-de-erechim/

criado por turismosantamaria    16:33:50 — Arquivado em: Sem categoria

13/7/10

GT lança cartilha para turismo ferroviário

Já está disponível no site do Ministério do Turismo (MTur) a Cartilha de Orientação para Proposição de Projetos de Trens Turísticos e Culturais. A publicação é fruto do do trabalho do Grupo de Trabalho (GT) de Turismo Ferroviário, criado para fomentar a atividade no país, bem como preservar e dar destinação ao patrimônio da extinta Rede Ferroviária Federal (RFFSA).

A cartilha é ilustrada e dividida em capítulos. Na apresentação faz um breve relato sobre a história das ferrovias no mundo e no Brasil. Depois, informa quem pode apresentar propostas ao GT e descreve as diretrizes gerais do projeto. O documento traz ainda modelos de formulários de solicitação de projetos de trens turísticos e um glossário. Em anexo, lista os documentos necessários para a obtenção de autorização de transporte não regular de passageiros com finalidade turística.

A cartilha foi lançada na última quinta-feira (8) durante o II Encontro Nacional de Cidades Históricas e Turísticas, em Pirenópolis (GO). O Grupo de Trabalho é composto por representantes dos ministérios do Turismo, que o coordena, e dos Transportes, e da Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Secretaria do Patrimônio da União (SPU) e Inventariança da RFFSA.

Fonte: Jornal de Turismo

Obs.: Para fazer o download da cartilha (2.258 kb, PDF), acesse o link do MTur:

http://www.turismo.gov.br/export/sites/default/turismo/o_ministerio/publicacoes/downloads_publicacoes/cartilha-final-b.pdf

criado por turismosantamaria    09:41:56 — Arquivado em: Sem categoria

12/7/10

O trem para todo o Estado [do RS]

Desde o início do século XX até por volta de 1970, composições tracionadas pela vetusta Maria Fumaça, transportavam de e para Porto Alegre, produtos agrícolas, manufaturados e passageiros. Depois a via rodoviária sozinha assumiu. Porque o Trem foi incompreensivelmente desativado? Bastaria terem modernizado a mesma implantação.Ah!….o caminhão e o ônibus eram mais rápidos?! Mas tal exclusividade, além do mais, congestiona as rodovias. Nos grandes e desenvolvidos países do Mundo, (EE.UU.Canadá, toda a Europa, Japão, China, e outros), com estradas de rodagem muito melhores que as nossas, a “estrada de ferro” não foi abandonada, mas modernizada e aprimorada.

 

Lembro-me do nosso saudoso trem Minuano, de já legendária história, que até por volta de 1970 cruzou os planaltos, as serras, os campos e as coxilhas de nosso Rio Grande, com elegância, conforto, segurança e horário certo.

 

No trecho de Carlos Barbosa a Bento Gonçalves, via Garibaldi, ainda funciona uma composição com vagões recuperados e tracionados por uma Maria-Fumaça, que faz a alegria de turistas, crianças e idosos saudosistas. É bom e atrativo. Há, também, um movimento para implantar um roteiro turístico de trem entre Estrela e Guaporé, ao longo dos Rios Taquari/Antas, pois passa por uma das paisagens mais lindas de nosso Estado, assim como entre Piratuba e Marcelino Ramos.

 

Hoje, artigos e manchetes reclamam a re-implantação da malha ferroviária. Manchetes destacam: “Caxias Bate Forte Para Buscar Sua Linha Férrea”.A imprensa publica o reflexo de um clamor público pela volta do Trem. Participei, a convite do Prefeito, José Ivo Sartori, na noite de sábado, 26.06 último, no Clube Juvenil, em Caxias do Sul, de saudosista comemoração do Centenário da chegada do trem à “Pérola das Colônias”.

 

Assim como para o Norte do Estado, temos que pensar no Sul e no Centro do RS. Se a Pérola das Colônias insiste na volta de “seu” trem, a “Princesa do Sul” - Pelotas e Rio Grande, Dom Pedrito, Bagé, Livramento e Uruguaiana, Alegrete e Rosário do Sul assim como o Centro do Estado – Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santiago, e São Borja, com ramais para cidades adjacentes, como Taquari e Candelária, devem ser servidas com bons trens de passageiros e cargas e tirar centenas e centenas de caminhões, enormes carretas, ônibus e automóveis, que hoje congestionam as rodovias e sofrem com estradas esburacadas e uma manutenção deficiente.

 

Imagino que bela solução seria um trem expresso, bitola larga-padrão mundial de 1,435m, a velocidade de 150km/h de Caxias à Porto Alegre, Santa Maria e outras importantes regiões gaúchas ou, ainda, um trem TGV (Trem de Grande Velocidade - 250km/h) entre Porto Alegre e Pelotas/Rio Grande. Ou ligando a Região Noroeste a Rio Grande via Santa Maria escoando a produção de grãos.

 

É possível até formar parcerias público-privadas para re-implantar uma boa malha ferroviária no RS, procurando inclusive, se for o caso, a participação de empresas estrangeiras que já possuem alta tecnologia, larga experiência no assunto e recursos financeiros e, além de escoar a produção, viajar e chegar com horário certo, em confortáveis e rápidos Trens.

 

Texto: Victor José Faccioni – Conselheiro do Tribunal de Contas / RS

Fonte: Jornal A Razão – p. 4 – 09/07/2010

 

criado por turismosantamaria    16:37:42 — Arquivado em: Sem categoria

29/4/10

Blog do Turismo Ferroviário

Trem Tur�stico

O Blog do Turismo Ferroviário surgiu a partir do Encontro sobre Turismo Cultural Ferroviário, realizado em março de 2010 em Santa Maria - RS, com o intuito de apresentar ideias, comentários e assuntos relativos ao tema.

Para divulgação no blog, envie seus comentários neste mesmo espaço. Textos devem ser repassados para o seguinte endereço, com o assunto Blog Turismo Ferroviário:

Contamos com a sua participação!
criado por turismosantamaria    10:29:38 — Arquivado em: Sem categoria

31/3/10

ENCONTRO SOBRE TURISMO CULTURAL FERROVIARIO

Aconteceu na UNIFRA na última sexta e sábado, o ENCONTRO SOBRE TURISMO FERROVIÁRIO. Participaram do evento 120 pessoas. Desse total, 45% vieram de outras cidades e estados. Tiveram representadas as cidades de ITAARA, JAGUARI, ESTAÇÃO, SILVEIRA MARTINS, SANTIAGO, PORTO ALEGRE, SÃO LUIZ GONZAGA, RESTINGA SECA, IJUI, SÃO SEPÉ, SANTO ANGELO e SÃO PEDRO DO SUL. De outros estados foram representadas as cidades de CAMPINAS (SP), JOINVILLE (SC), CAÇADOR (SC) e RIO DE JANEIRO (RJ). Dos participantes de Santa Maria, estavam representantes do SINDICATO DOS FERROVIÁRIOS, da VILA BELGA, profissionais do setor turístico local, estudantes do curso de TURISMO, HISTÓRIA, ADMINISTRAÇÃO, GEOGRAFIA, tanto da Unifra quanto da UFSM e comunidade em geral.

Encontro sobre Turismo Cultural Ferroviário

Encontro sobre Turismo Cultural Ferroviário

criado por turismosantamaria    11:22:07 — Arquivado em: Sem categoria
Report abuse Close
Am I a spambot? yes definately
http://turismoferroviario.blog.terra.com.br
 
 
 
Thank you Close

Sua denúncia foi enviada.

Em breve estaremos processando seu chamado para tomar as providências necessárias. Esperamos que continue aproveitando o servio e siga participando do Terra Blog.